05/03/2017 Aleatoriedades

Já contei sobre o Lev, sobre como obter acesso SSH ao seu sistema operacional Linux. E agora quero explicar como usar seu Lev para navegar na Internet. Está claro nas especificações do Lev que ele possui WiFi, pode-se conectar à Internet porém que o único acesso que o mesmo possui é à loja da Saraiva. Também está claro nas especificações dos seus irmãos Bookeen Cybook Muse e Cybook Odyssey que os mesmos possuem um navegador e podem acessar qualquer site na Internet. Então porque no Lev não? Só porque a Saraiva quer?

É claro que não. Vamos resolver isso.

Continuar Lendo

04/03/2017 Aleatoriedades

Já contei sobre o Lev, o leitor de livros digitais da Saraiva. Mas como bom nerd, eu queria fazer o que não dava para fazer: acessar o sistema operacional Linux por dentro dele através do SSH. O Lev é fabricado pela Bookeen e as instruções a seguir podem ser usadas em outros leitores tais como Cybook Muse, Cybook Odyssey e Nolimbook. Mas não testei em nenhum deles, pois o único equipamento que possuo é o Lev.

É claro que comecei pesquisando na Internet por “SSH Bookeen”. O que resultou no seguinte artigo: GAME OVER. Nele explica como usar uma versão modificada do arquivo de atualização desses equipamentos para obter o desejado acesso remoto SSH. Essa atualização é aquela que o Lev te oferece ao ligar o WiFi. O que o Lev faz automaticamente é baixar um arquivo na memória interna, reiniciar e atualizar através desse arquivo. Então vamos colocar um arquivo ali para forjar uma atualização offline.

Continuar Lendo

29/06/2016 Programação Lua

Falta menos de um mês para completar um ano que criei esta versão do Atarefado e escrevi quase todo este artigo e ainda não tinha publicado. Então, antes de apresentar minha arma contra a procrastinação, começo ponderando: Por que procrastinadores procrastinam?

Já contei sobre o Atarefado, ferramenta que criei para dar um pouco de ordem à insanidade caótica da minha mente e conseguir realizar as minhas tarefas. Também contei que recentemente adquiri um telefone celular com sistema operacional Android. Então, nada melhor que ter as tarefas sempre a mão. No entanto, Android é baseado em Java. E já contei também o que penso de diversas linguagens de programação, e Java não está entre as minhas preferências, mas Lua está. E porque criar uma versão específica para um sistema operacional, enquanto posso criar uma que pode rodar em qualquer sistema que possua um navegador?

Foi então que resolvi criar uma versão Web do Atarefado. Mas não abandonei a versão tradicional. Agora no código fonte há um código comum e os códigos desktop e webapp. Para a interface usei HTML5 com o framework Bootstrap. No servidor usei web usei Haserl e Lua. O Haserl funciona de forma semelhante ao PHP, porém usando ou shell script ou Lua. No Meu caso, a escolha é óbvia.

Continuar Lendo

04/05/2016 Aleatoriedades

Eu não uso foto no perfil, como qualquer humano. E sim um par de dados coloridos. Então para não parecer que sou um alienígena de sangue verde ou uma inteligência artificial tentando escravizar a humanidade, vou mostrar quem sou aqui. Presente e passado. Com cabelo e sem cabelo:

Com cabelo
Sem cabelo

Mais de quinze anos entre as fotos. E quer ouvir o som radical que eu mandava na guitarra?

Continuar Lendo

28/04/2016 Linux

O serviço GitHub Pages recentemente atualizou para a versão 3 do seu gerador de site estático Jekyll. Logo fui atualizar no meu computador, mas não existem os pacotes disponíveis nos repositórios.

E a questão é bem complicada. Pois o Jekyll 3 requer Ruby 2.0.0. Mas a versão 2.0.0 já é um pouco antiga e requer a versão 1.9.3, então ficamos com duas versões do Ruby. Eu já não gosto de Ruby sozinho, quem diria em dose dupla.

O Ruby 2.3 já está disponível no recém lançado Ubuntu 16.04, porém até o momento ainda não no Linux Mint. Então realizei o procedimento descrito a seguir.

Continuar Lendo

Página: 1 de 15